.Prefeitura de Hidrolândia

.Prefeitura de Hidrolândia

terça-feira, 23 de setembro de 2014

Pesquisa Directa indica: Tudo embolado no DF


Rollemberg 25,3%; Agnelo 23,1%; Jofran Frejat 19,6%; Luiz Pitiman 10,2%


Por: Walter Brito
Tal qual no Brasil, que teve duas eleições no primeiro turno, protagonizadas pelo trágico acidente que matou Eduardo Campos e, permitiu a surpreendente ascensão de Marina Silva; em Brasília, o fato se repetiu. O avião que caiu por aqui, matou Arruda para a política e provoca disputa acirrada entre três candidatos ao GDF: Rodrigo Rollemberg (PSB), com 25,3%; o governador Agnelo Queiroz (PT), com 23,1% e Jofran Frejat (PR) com 19,6%. Corre por fora e em franco crescimento, o tucano Luiz Pitiman, com 10,2%. O candidato do PSOL, Toninho, pontua com 4,5%, enquanto que Perci Marrara (PCO), obteve 0,2%. Brancos e nulos somam 4,3% e não sabem, 12,8%. A pesquisa registrada do TRE-DF com o número DF-00051/2014, cuja margem de erro é de 3,1% para mais ou para menos e 95% de confiabilidade; ouviu 1000 eleitores nas seguintes localidades do DF: Águas Claras; Asa Sul; Asa Norte; Brazlândia; Ceilândia Norte e Sul; Cruzeiro Novo e Velho; Fercal; Guará I e II; Gama; Itápoã;Jardim Botânico; Núcleo Bandeirante e Candangolandia; Lago Sul; Lago Norte; Planaltina (Vale do Amanhecer); Paranoá; Park Way; Recanto das Emas; Riacho Fundo I e II; Samambaia; Santa Maria; São Sebastião; Sobradinho I e II; Sol Nascente (eleitores de Brasília); Sudoeste/Octagonal; Taguatinga Norte; Taguatinga Sul e Vicente Pires.
Com esse quadro, todo prognóstico feito pelos gênios da política de plantão, torna-se muito arriscado. A ascensão de Rodrigo Rollemberg por exemplo, deve-se principalmente ao apoio de Marina Silva que é a campeã de votos em Brasília. A boa performance de Reguffe (PDT), candidato ao Senado, também ajuda Rollemberg subir e se firmar como provável postulante ao segundo turno. O PT, que segundo o saudoso Maurício Corrêa: “Sempre cresce no final”. Ao que tudo indica, dá sinais de que as palavras do ex-presidente da Suprema Corte brasileira, se tornaram proféticas. Apesar da rejeição alta de Agnelo, para muitos, o petista é um grande tocador de obras e excelente gestor. Em Samambaia, ele está empatado tecnicamente com os seus principais adversários. Isto se deve à parceria com o ex-administrador, Risomar Carvalho (PT), candidato a deputado distrital. E mais, dá sinais de melhora na intenção de votos, por meio do apoio efetivo do parceiro, que foi considerado o melhor administrador das cidades do DF no governo do PT. Ele desponta como um dos mais votados para deputado distrital em Brasília. Na Ceilândia, Agnelo é o segundo colocado e em Taguatinga empata com Rollemberg.
A máquina do PT está nas ruas fazendo obras sem parar. Enquanto que, os tradicionais militantes estão uniformizados, de lencinho na cabeça, a estrela vermelha no peito e bandeira na mão. Muitos deles e, em quase todas as cidades satélites, já chegam nas padarias de Brasília afora, para comprar o pão; com a bandeira na mão e os santinhos de seus candidatos. Entrevistamos inclusive, lá em Samambaia, o ajudante de pedreiro, Roberto Rufino Cavalcante. Ele tem 33 anos e disse o seguinte: “Faltam 13 dias para elegermos Agnelo e Dilma Rousseff. Pedi contas no meu serviço e só volto ao trabalho, depois da vitória”. A reportagem também flagrou quinze deles, entre homens e mulheres, cantando o hino “Olê, Olê, Olê, Olá”, apimentado por palavras duras referentes à prisão do ex-governador Arruda. Foi nesse desencontro ocorrido na Rodoviária do Plano Piloto, semana passada, que os militantes petistas colocaram o ex-governador na roda e em fila indiana, enquanto dançavam e cantavam o hino provocativo. Quase deu pancadaria! O governadoriável Frejat, com muita paciência, acalmou Arruda, que reagiu e com muita razão. O ex-governador parecia um furacão de raiva!
O desempenho de Frejat, em apenas duas semanas de campanha, surpreende os mais experientes marqueteiros. Os 19,6% de intenção de votos atribuídos ao candidato do PR, de acordo com a pesquisa da Directa, pelo menos 10%, são dele; 5% foram transferidos pelo Roriz e 4% pelo Arruda. Portanto, a transferência é bastante significativa, mas não o que acreditavam seus correlegionários.
O representante da geração Brasília, Rodrigo Rollemberg, que já foi candidato ao GDF e teve apenas 7%, inclusive perdeu para Benedito Domingos, que obteve à época 9%; tem possibilidades reais de ganhar a eleição. A sua boa performance na classe média alta e também junto aos endinheirados da Corte, aliados à popularidade de Reguffe e Marina Silva, aumentam a possibilidade de sua presença no segundo turno. Caso isso aconteça, será o governador!
Em quarto lugar, Luiz Pitiman cresceu e pontua com 10,2% na pesquisa do instituto Directa. Percebe-se claramente, que os mil cabos eleitorais contratados na reta final de sua campanha, está dando certo. Ele também conta com equipe de técnicos de informática, que trabalharam na campanha vitoriosa de Barack Obama nos EUA, para potencializar o trabalho dos engenheiros da nova tecnologia. Dezenas de jovens estão online pedindo votos para os tucano, Luiz Pitiman e Aécio Neves. Pitiman, espera capitalizar o crescimento de Aécio Neves no Brasil e Brasília. Entrevistamos Bruno Aguiar A. Alencastro, estudante da UnB, 22 anos e tucano por opção: “Estamos preocupados com o futuro do Brasil, principalmente no que diz respeito ao desequilíbrio da economia. O governo do PT trouxe consigo a inflação e o PIB é o mais baixo de nossa história. O Brasil começa a entrar numa verdadeira guerra civil, onde supermercados são saqueados e caixas de bancos explodidos a todo o tempo. Eu e minha turma aqui da UnB, estamos com Aécio Neves e Pitiman para governador de Brasília”, sentenciou. Como se vê, a juventude está abraçando os candidatos tucanos e prometem virar o jogo no país e no DF.
Por outro lado, Toninho do Psol, que obteve 4,5% de intenção de votos na pesquisa da Directa, não está tendo o mesmo desempenho da eleição anterior. Seus correligionários acreditam que ele surpreenderá no final.
Vejam o quadro da pesquisa. Nas próximas horas, publicaremos o resultado para o Senado e deputado federal no DF.

Nenhum comentário:

Postar um comentário