.Prefeitura de Hidrolândia

.Prefeitura de Hidrolândia

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

O povo reza, ora, medita e bate tambor, pela recuperação de Pelé!



Pelé e sua noiva Márcia Cibele Aoki
Por: Walter Brito
Internado na UTI do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, Edson Arantes do Nascimento, o nosso Pelé; passou por apuros nos últimos dias. O brasileiro mais conhecido no mundo e, um dos seres humanos mais reverenciados do planeta Terra, está com infecção abdominal grave.
O homem que foi recebido nos últimos 55 anos por todos os papas no Vaticano, por todos os presidentes norte-americanos na Casa Branca, inclusive, já parou até uma guerra na África; agora emociona o mundo, com o seu problema de saúde. O carisma de Pelé é tão forte, que os principais veículos de comunicação do mundo, comentam com detalhes os problemas de saúde do Rei. Por isso, a responsabilidade da equipe médica de Pelé aumenta cada vez que ele tem uma recaída.
O rei do futebol foi internado na última segunda-feira, dia 24, para cuidar da infecção abdominal. Pelé está fazendo hemodiálise como tratamento de suporte renal, sem a necessidade de outras terapias de suporte. Ele foi levado para a UTI, onde o seu quadro de saúde será melhor monitorado. Enquanto isso, especialistas do mundo inteiro discutem, o mais moderno tratamento, para curar o homem que ganhou três copas do mundo.
Pessoas do Brasil e de diversas partes do planeta e de todas as religiões: rezam, oram, meditam e batem tambor, para a recuperação do atleta do século. Todos querem, que o filho de seu Dondinho e dona Celeste volte para casa, antes do Natal.
A reportagem falou com a assessoria de imprensa de Pelé, que nos disse: “O doutor Cláudio Lottenberg, presidente do Hospital Albert Einstein, diz que está tudo sob controle e, que não tem autorização da família do Pelé para dar detalhes sobre o tratamento. Entretanto, o quadro é positivo e evoluiu muito hoje, a partir das 10h00”.
Ao lado do Rei lá no Albert Einstein, está a sua noiva, a empresária Márcia Aiok. A bela japonesa de 47 anos, ciceroneia as poucas visitas daqueles que têm acesso à antessala, onde Pelé está internado.
Ao que tudo indica, a corrente de energias positivas enviadas pelos povos do mundo inteiro, farão o atleta do século levantar de seu leito, mais cedo que sua equipe médica imagina. Pelé está otimista e autorizou a sua assessoria publicar: “Estou ansioso para passar o final de ano em minha casa, ao lado de meus familiares. Acredito em Deus e na equipe médica que me atende”

Nenhum comentário:

Postar um comentário