.Prefeitura de Hidrolândia

.Prefeitura de Hidrolândia

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

TRE rejeita candidatura de Eurípedes Júnior



Eurípedes Júnior, presidente nacional do Pros e suplente de deputado federal pelo partido, teve seu registro de candidatura às eleições 2014 negado, na noite de segunda-feira, 1º, pelo Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO).
O suplente de deputado perdeu por quatro votos a três. Na realidade, segundo o advogado de Eurípedes Júnior, Bruno Pena, houve empate em três a três, sendo que o presidente da Casa, o desembargador Walter Carlos Lemes, teve voto de minerva, e decidiu-se pela impugnação do registro, devido à rejeição de contas de Eurípedes pelo Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás (TCM-GO). 
O TCM rejeitou as contas de Eurípedes Júnior quando ele ainda era presidente da Câmara Municipal de Planaltina de Goiás. Segundo os autos do processo, Eurípedes não apresentou comprovantes de pagamentos de contas de telefone, nem tampouco de horas extras e subsídios a colegas vereadores.
Portanto, neste momento, todos os 72.781 votos obtidos pelo também presidente do Pros serão considerados "nulos". De acordo com o processo, Eurípedes Júnior não poderá ser diplomado, no dia 19, quando ocorre a solenidade promovida pelo TRE no Centro de Cultura e Eventos da Universidade Federal de Goiás, no Campus Samambaia.
Segundo Bruno Pena, a decisão é passível de recurso, e deverá ser protocolado até 72 horas após a publicação oficial da decisão, ocorrida na tarde de ontem. A decisão pode afetar o quadro de deputados federais eleitos em Goiás Goiás, já que, caso ele não consiga reverter a situação, o TRE terá de fazer nova retotalização de votos. 
Fonte: Diário da Manhã

Nenhum comentário:

Postar um comentário