.Prefeitura de Hidrolândia

.Prefeitura de Hidrolândia

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Daniel do Sindicato à espera de um adversário em Cristalina

Daniel do Sindicato luta para unir oposição em Cristalina

Por: Walter Brito

A cidade mais politizada da Região Metropolitana de Brasília, sem dúvidas é a capital do agronegócio de Goiás. Ela é conhecida nacionalmente pela preciosidade mineral que lhe dá o nome, Cristalina!

Além de ser referência nacional e internacional na produção agrícola, é lá que ocorrem de quatro em quatro anos, os maiores embates da política no Entorno da capital brasileira.

Lembro-me de maio de 2007, quando o então todo poderoso prefeito Antonino Andrade, surfava nos altos índices de popularidade, ocasião em que as pesquisas indicavam sua invencibilidade, com cerca de 70% de intenção de votos, enquanto que os seus adversários tinham menos de 10%.

Eis que, quatro dias antes da data comemorativa do dia das mães; duas faixas são colocadas para homenagear as mães de Cristalina em pontos estratégicos e, chamam a atenção dos moradores do povoado de São Bartolomeu. A primeira faixa foi colocada em frente ao povoado e a outra, em frente à borracharia “Massa-Barro”, ambas às margens da BR – 040. Era ali o principal reduto eleitoral do prefeito Antonino. Foi de fato, uma provocação de profissional da política!

O dono da faixa, um desconhecido na cidade e com zero nas pesquisas de intenção de votos, por incrível que pareça, venceu o pleito municipal de 2008 e também o de 2012. O próprio ameaça tirar de sua cartola mágica, o nome para vencer novamente.

As pesquisas indicam que Daniel do Sindicato é o grande líder na corrida para prefeito de Cristalina, cuja eleição ocorrerá em outubro de 2016. Ele luta para ser o nome único da oposição na disputa do Palácio Etienne Lepesqueur. Entretanto, estão no páreo como opositores: Antonino Andrade e o presidente do PPS e ex-vereador Marquinho Abrão, entre outros de menor expressão, com poucas chances de viabilidade como candidatos competitivos.

Tal qual o homem da faixa, que ainda não pontuava nas pesquisas no dia das mães em 2007; outro forasteiro ameaça transferir seu título eleitoral de Luziânia para Cristalina. Trata-se de um jovem ambicioso, que tem o aval de Marconi Perillo e de poderosos da eterna capital brasileira do Cristal. Quem viver e votar, certamente verá!

Nenhum comentário:

Postar um comentário