.Prefeitura de Hidrolândia

.Prefeitura de Hidrolândia

quarta-feira, 16 de março de 2016

Iris Resende precisa do PT para vencer!

Por: Walter Brito
 
O ex-governador de Goiás Iris Rezende Machado envelheceu, mas não ficou bobo. Ele sabe que o eleitorado conservador, que sempre votou nele diminuiu e muito nos últimos anos. Por isso, Iris precisa convencer os progressistas a votarem no seu projeto. Nesse sentido, a fórmula única é unir-se de corpo e alma ao partido dos trabalhadores- PT.

Contudo, não é qualquer petista que conseguirá estimular o leitorado progressista de Goiânia, a enxergar algum charme no velho guerreiro, que um dia lutou contra os desmandos da ditadura militar e, pousava de progressista.  O PT de Antônio Gomide está em decadência e poderá perder a eleição em Anápolis, para o radialista do Solidariedade, o deputado Carlos Antônio.

Os petistas tradicionais da Capital goiana, como: Marina Santana, Luis César Bueno e Humberto Aidar; já não empolgam mais o eleitorado progressista, que não aceita a corrupção do PT nacional e o fracasso de Paulo Garcia e, sua turma no Paço de Goiânia. A pesquisa qualitativa, que foi feita com exclusividade para Iris Rezende, orienta o velho cacique, a optar pela delegada e deputada Adriana Accorsi (PT), como sua vice na disputa do mês de outubro. Além de ser uma mulher charmosa, a delegada passa credibilidade por meio de seu discurso equilibrado da segurança pública.

Ela tira votos preciosos do delegado Valdir, IRIS REZENDE PRECISA DO PT PARA VENCER que também é pré-candidato a prefeito de Goiânia. Alguns setores do PMDB preferem o apoio de Ronaldo Caiado (DEM), na eleição que se aproxima. Iris sabe que o apoio de Caiado é muito bom no plano estadual. Em Goiânia, a delegada Adriana Accorsi, na eleição do mês de outubro será tão forte, que poderá ser a candidata à prefeita pelo PT e, disputar o segundo turno, com o próprio Iris Rezende.

O desgaste de ter perdido o PMDB para Daniel Vilela, que teve apoio de Junior Friboi, deixa Iris mais abalado e inseguro, principalmente quando vislumbra mais uma derrota.  Sem saída, o líder certamente será empurrado pelos marqueteiros, a convidar Adriana Accorsi para ser sua vice. Os gênios da publicidade política em Goiás sabem, que a garantia que Iris tem para vencer a última eleição de sua vida, é deixar o orgulho de lado e convidar a filha do ex-prefeito Darci Accorsi, para praticarem: a unidade na diversidade. 

Caso isso não aconteça, Iris poderá até perder o lugar no segundo turno para Vanderlan Cardoso ou para um tucano qualquer: indicado pelo tucano mor, Marconi Perillo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário